Resolving the issue with synchronization in old versionLISTA - 5 dicas medicinais da galantamina I Dr. Abílio Seronni

Aprenda agora 5 propriedades medicinais da galantamina:

Ação 1: aumenta os níveis no cérebro de um neurotransmissor particular responsável pela formação de memórias - acetilcolina já comprovados pela ciência, por isso seu uso para mal de Alzheimer é aprovado pelo FDA, a ''ANVISA'' americana. Estudos realizados em animais constataram que a galantamina faz mais uma coisa que nenhum remédio atual consegue fazer: ela estimula os receptores de acetilcolina, conhecidos como receptores nicotínicos, por um período de tempo estendido. No paciente com mal de Alzheimer, esses receptores se desgastam, e o cérebro não consegue transportar a acetilcolina de uma célula a outra, formando ali, depósitos de placa de gordura chamado beta amilóide. Diria que não é a cura do Alzheimer, porém, está bem próximo. Cientistas em Auckland, Nova Zelândia, constataram que pessoas com Alzheimer em diversos estudos (de 285 a 978 pacientes tomaram 24 miligramas de galantamina ao dia pelo período de três a seis meses) obtiveram melhoras significativas em sintomas cognitivos e atividades cotidianas comparadas ao grupo de controle tratado com placebo. Eles também constataram que a galantamina retarda o desenvolvimento de distúrbios comportamentais e sintomas psiquiátricos. Depois de 12 meses de tratamento, os pacientes que utilizaram a galantamina mantiveram suas habilidades funcionais e cognitivas. Cientistas concluíram que a administração diária de galantamina em um período de 10 dias aumenta as oportunidades de aprendizagem, além de, desacelerar drasticamente a doença e quanto a memória do paciente, se estabiliza e até melhora.

Ação 2: melhora na transmissão dos impulsos nervosos dos músculos. Portanto, recomendados para tratar miastenia gravis, miopatia e outras doenças musculares e motoras;

Ação 3: potenciador nootrópico ou cognitiva. O nootrópico é qualquer tipo de medicamento ou suplemento que tem a capacidade de aumentar o QI ou inteligência geral, aprendizagem, memória, concentração, foco e clareza e rapidez de pensamento de processos cognitivos. O episódio 49 foi exclusivo para os nootrópicos e especificamente, a galantamina é acreditada para aumentar a neuroplasticidade, o que leva a um aumento da função de memória, bem como a retenção de memórias de curto e longo prazo;

Ação 4: aumenta a produtividade por atuar na concentração, melhorando o auto controle e ajuda a abstrair das distrações. Por isso é muitos usado por empresários e estudantes.

Ação 5: utilizada no tratamento de demência vascular leve a moderada. Ele faz aumentar a quantidade de certas substâncias existentes no cérebro que promovem a clareza do pensamento e alívio dos sintomas, acuidade mental melhorada, velocidade de cognição e vigilância.

Resumindo, existem inúmeras maneiras de aumentar o nosso QI, galantamina é só mais uma maneira natural, porém, sempre tem contra indicações e uma delas é para quem tem pressão arterial baixa, pois ele costuma provocar bradicardia, ou seja, diminui a frequência do coração e isso pode provocar um bloqueio chamado atrioventricular se a pessoa tiver uma condição pré-existente pode ser particularmente um risco, por isso requer a orientação sempre de um médico.



Ouça o podcast de número 70 e aprenda mais sobre a GALANTAMINA
https://dicascurtas.com.br/expert-doutor-saude




Já cadastrou para nossa consultoria?
Clika no botão abaixo e siga o passo a passo